Turismo na usina de Itaipu cresce quase 25% em fevereiro

 

O movimento de turistas no Complexo Turístico Itaipu (CTI), da usina binacional, cresceu quase 25% no último mês de fevereiro, na comparação com o mesmo período de 2019. Ao todo, foram 45.163 turistas ante 36.222 em fevereiro do ano passado.
 
 “O aumento do turismo está diretamente relacionado aos investimentos na melhoria de infraestrutura e embelezamento dos nossos atrativos”, diz o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna. Ele destaca que Itaipu abraçou o turismo de forma natural, porque esse segmento é o carro-chefe da economia de Foz e de toda a região.
 
Além das melhorias e investimentos, o aumento do movimento é atribuído ao feriado ter caído no mês de fevereiro (em 2019, foi em março). Apesar de fevereiro de 2020 ter um dia a mais, por ser ano bissexto, em 2019 o CTI contava com dois atrativos turísticos que não são mais explorados dentro da usina. Juntos, Itaipu Natureza (exposição realizada de janeiro a julho de 2019) e o passeio Kattamaram (encerrado em dezembro) registraram 3.167 visitas em fevereiro do ano passado.
 
"O crescimento foi muito superior às expectativas. Mesmo com dois atrativos a menos, o esforço na divulgação e a qualificação do estão trazendo resultados muito positivos”, acrescentou o gerente geral do CTI, Yuri Benites. A gestão do turismo da usina é feita em parceria com a Comunicação Social de Itaipu.
 
Neste último mês, a atração com maior crescimento foi o Polo Astronômico, com 987 visitantes (140% de aumento). Já o atrativo mais procurado continua sendo a visita Itaipu Panorâmica, com 28.552 turistas (40% de aumento). 
 
Acumulado do ano
Já no acumulado do ano (janeiro e fevereiro), o movimento turístico na Itaipu cresceu quase 7%. No período, a usina recebeu 136.898 turistas em 2020. Em 2019, foram 128.022. Desde o início da visitação, em 1976, já passaram por Itaipu mais de 23,8 milhões de turistas de 209 países.
 
Fotos: Alexandre Marchetti