Perimetral Leste deve começar a ser construída em outubro 10.02.2020

Perimetral Leste deve começar a ser construída em outubro

Expectativa é que a obra seja concluída juntamente com a 2ª ponte entre Brasil e Paraguai. Passarão por ela todo tipo de veículos.

 

Se  tudo correr de acordo com o cronograma, até outubro devem começar as  obras  da  Perimetral  Leste,  ligação  entre  a  Ponte  da  Integração Brasil-Paraguai  – construída desde agosto de 2019 com recursos da usina de Itaipu  – e a BR-277. Os caminhões pesados, que hoje trafegam pelo corredor turístico e vias centrais de Foz do Iguaçu, passarão pelo novo traçado.

A  previsão  é  que  o  acesso  fique  pronto juntamente com a ponte. Segundo o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna, a  entrega  das  duas obras na mesma data vai tornar possível um novo ciclo econômico pra Foz do Iguaçu e toda a região de fronteira. O  projeto  executivo da perimetral está em processo de elaboração. A ordem  de  serviço foi assinada em agosto de 2019. O prazo para a conclusão do  projeto  é  de  dez meses e, depois de pronto, ele precisa ser aprovado pelo DNIT. O Governo do Estado é responsável pela gestão da obra.

A  Perimetral  terá  15  quilômetros  de  extensão, entre a ponte e a BR-277. O projeto preliminar prevê três trevos, sendo dois completos, um na 
BR-469 e dois na BR-277, além de três rotatórias. Passarão  por  ela  todo  tipo de veículos, não apenas caminhões. Por isso,  a Aduana que será construída perto da Ponte da Integração vai prever um  tipo  de  fiscalização  semelhante  ao  da  Ponte da Amizade e Controle Migratório.

 Acompanhamento

Nesta   quinta-feira   (6),   durante   uma   reunião   periódica  de acompanhamento  do  projeto,  no  Ecomuseu  de Itaipu, foi constatado o bom andamento  das  fases prévias. Em outubro, além de passar pela aprovação do DNIT,  o  projeto  será  enviado  para a obtenção da licença de instalação. Depois disso, as obras têm início. 

 Em  relação  às  aduanas,  que  também fazem parte do mesmo contrato, estão  sendo  realizadas tratativas com as instituições envolvidas (Polícia 
Federal  e  Receita  Federal)  para que o projeto atenda às expectativas em relação aos fluxos, para permitir o bom funcionamento destes locais.

 Ponte da Integração

 A nova ligação entre Brasil e Paraguai terá 760 metros de comprimento e vão-livre de 470 metros, com duas torres de 120 metros de altura. A pista será  simples,  com  3,7  metros  de largura de cada lado, acostamento de 3 metros  e  calçada  de  1,70  metro.  O  investimento  previsto é de R$ 463 milhões,  dos  quais R$ 323 milhões serão usados na ponte e R$ 140 milhões, nas obras da Perimetral Leste.

A Itaipu 

 Com 20 unidades geradoras e 14 mil MW de potência instalada, a Itaipu Binacional  é  líder mundial na geração de energia limpa e renovável, tendo produzido,  desde  1984,  quase  2,7  bilhões  de  MWh.  Em  2016,  a usina brasileira  e  paraguaia  retomou  o  recorde  mundial  anual de geração de energia,  com  a  marca  de  103.098.366  MWh.  Em 2018, a hidrelétrica foi responsável  pelo  abastecimento  de  aproximadamente 15% de toda a energia consumida pelo Brasil e de 90% do Paraguai.

Mais Notícias
Parceria
FOZ DO IGUAÇU DESTINO DO MUNDO | Política de privacidade | Desenvolvido com Drupal 6.1 | +55 45 2105-8120 IMAM