Obras estruturais e tecnologia dão nova cara á PTN 22.02.2019

Obras estruturais e tecnologia dão nova cara á PTN

Instalação de e-gates vai reduzir tempo de visto dos turistas; Melhorias estruturais garantirão mais comodidade.

 

Representantes do turismo de Foz do Iguaçu visitaram hoje (21) as obras de modernização no Escritório de Migração da Policia Federal, na Ponte Tancredo Neves. O pacote de melhorias prevê a instalação dos equipamentos de controle eletrônico de passaportes, os chamados e-gates, e também ampliações estruturais para garantir maior conforto aos turistas. A previsão é que o novo sistema de visto e as obras no local estejam concluídos já no próximo mês. 

 

Os e-gates vão reduzir o tempo de quem entra no país vindo do território argentino. O tempo para quem utiliza o serviço cairá de três minutos no guichê para apenas 30 segundos com o escaneamento do passaporte e o reconhecimento biométrico facial do viajante. Seis equipamentos serão disponibilizados no local.

 

A novidade evitará a formação de filas e também dará vazão a um fluxo médio de aproximadamente sete mil pessoas por dia, segundo dado da PF. Nos períodos de férias o movimento chega a 10 mil pessoas diariamente. Anualmente mais de 600 pessoas realizam o procedimento migratório na Polícia Federal.

 

“ Esse projeto de reformulação na área de migração trará mais conforto e comodidade para quem utiliza os serviços de visto migratório. Outras melhorias foram agregadas ao projeto, como a instalação de banheiros. Além disso, com essa tecnologia, a Policia Federal também reduzirá o custo com atendimento”, garantiu o delegado da PF, Mozart Fux. 

 

Atualmente 50 servidores da PF trabalham em pontos de migração na cidade, isso sem contar as equipes contratadas para o atendimento.

 

Investimento 

 

O projeto de modernização vem sendo discutido há mais de um ano entre as entidades do turismo, Itaipu Binacional e a Policia Federal. O investimento realizado na compra dos e-gates é da Itaipu através da Fundação Parque Tecnológica de Itaipu (FPTI). O recurso das melhorias estruturais vem do Fundo Iguaçu com apoio do Sindetur. A obra tem apoio da Secretaria de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos e Receita Federal, além de acompanhamento do Núcleo Integrado de Gerenciamento de Projetos (PROFOZ), do Polo Iguassu. 

 

“ O uso da tecnologia vai agilizar atendimento aos turistas estrangeiros e passar uma imagem positiva e de modernidade do destino perante públicos extremamente exigentes. A Ideia é depois estender a  implantação dos e-Gates para aeroporto e Ponte da Amizade”, afirmou o secretário Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos, Gilmar Piolla. 

 

Turismo 

 

“Foi feita uma análise pela diretoria do Fundo Iguaçu e todos foram unânime em apoiar o projeto de reforma do serviço de migração da Policia Federal na Ponte Tancredo Neves. A instalação dos e-gates e a ampliação do espaço vai garantir agilidade no grande fluxo de turistas na aduana”, disse o presidente do Fundo Iguaçu, Carlos Silva. 

 

“Essa modernização na estrutura de atendimento ao turista na PTN, com a implantação dos e-Gates dará maior comodidade para o turista e também aos profissionais do turismo, que terão uma redução no tempo gasto nesse procedimento. Por isso entendemos que é pertinente o apoio do Sindetur, Fundo Iguaçu e Secretaria de Turismo na execução dessa obra”, observou o presidente do Sindetur, Licério Santos. 

 

Ainda participaram da visita o presidente do Codefoz, Mário Camargo, o cônsul da Argentina em Foz, Roberto Lafforgue, o diretor do Fundo Iguaçu, Enio Eidt e o diretor de Assuntos Internacionais, Jihad Abu Ali.

Mais Notícias
Parceria
FOZ DO IGUAÇU DESTINO DO MUNDO | Política de privacidade | Desenvolvido com Drupal 6.1 | +55 45 2105-8120 IMAM